pexels-brett-sayles-2881224.jpg

Conheça nosso trabalho e onde realizamos nossas tarefas:

  • LAN;

  • CAN

  • MAN;

  • WAN;

  • RAN;

  • PAN;

  • SAN;

  • VLAN;

  • WLAN;

  • WMAN;

  • WWAN.

Existem uma série de fatores que influenciam na escolha do tipo de rede ideal para sua empresa, tais como o segmento, porte e número de colaboradores.

Temos tipo de redes de computadores

Agora vamos lá desvendar o que significa cada uma dessas siglas.

Entenda como cada formato de redes de computadores trabalha. Será que você consegue identificar a que faz mais sentido para sua empresa?

LAN

 

Esse é o formato com o qual estamos mais habituados. A LAN (Local Area Networks) é uma rede local, ou seja, de curta distância.

 

Ela conecta dispositivos próximos, reunidos em um mesmo ambiente, por exemplo, o escritório de uma PME ou uma residência.

CAN

A CAN (Campus Area Network) – ou seja, uma rede de campus – possui um propósito bastante parecido com a LAN. Contudo, ela já possui um alcance maior.

Sua utilidade é permitir a conexão entre redes de um mesmo complexo ou condomínio, como universidades, hospitais e centros comerciais.

MAN

Para conectar as redes locais dentro de distâncias maiores, você pode utilizar a MAN (Metropolitan Area Network), que significa rede metropolitana.

Ela pode ser utilizada para estabelecer uma conexão entre escritório que estão em um mesmo município ou cidades vizinhas, cobrindo algumas dezenas de quilômetros.

WAN

A WAN (Wide Area Network) é uma rede de longa distância.

Sua cobertura é bastante superior à das redes LAN e MAN. Com ela é possível conectar equipamentos em diferentes localidades, de países até continentes.

RAN

RAN é a sigla para Regional Area Network, em português, rede de área regional.

Conta com alcance maior que as redes do tipo LAN e MAN, porém menor que as WAN. A conexão de alta velocidade, através de fibra ótica, é uma de suas principais características.

PAN

A rede PAN (Personal Area Network), que significa rede de área pessoal, é a com maior limitação de alcance.

Ela conecta apenas aparelhos que estão a uma distância curtíssima, um exemplo desse tipo de rede é o Bluetooth.

SAN

Já a rede SAN (Storage Area Network), em tradução livre, rede de área para armazenamento, tem apenas uma função.

Portanto, ela é a responsável por armazenar dados da rede e fazer a comunicação entre um servidor e os demais dispositivos.

VLAN

A versão virtual da rede LAN, a VLAN (Virtual LAN), reúne diversas máquinas de forma lógica e não física.

Sendo assim, ela é capaz de dividir uma LAN física, em diversas redes virtuais.

As redes de computadores sem fio

Como em qualquer outra área, as redes de computadores precisaram se adaptar ao uso das tecnologias sem fio.

Além de todas as alternativas que citamos as redes LAN, MAN e WAN também contam suas versões wireless, sendo elas:

  • WLAN;

  • WMAN;

  • WWAN.

Conclusão

Por isso, se você precisa montar a rede da sua empresa ou chegou o momento de fazer aquela manutenção, acione o seu suporte de TI.

Você tem a opção de falar com a nossa equipe também. Afinal, nós temos uma comunidade de especialistas em tecnologia e podemos lhe ajudar!

Um sistema PABX é um equipamento presente em diversas empresas e escritórios que têm a necessidade de conectar ambientes por linha telefônica. A sigla em inglês significa Private Automatic Branch Exchange (Troca Automática de Ramais Privados), e caracteriza sua principal função: viabilizar uma rede interna de telefonia, oferecendo facilidade e eficiência à rotina de trabalho.

Estes aparelhos aperfeiçoam o sistema de comunicação, melhorando o atendimento e a comunicação corporativos, permitindo maior organização no ambiente profissional. Ao instalar o dispositivo, pode-se dar um destino correto às ligações, implantando um ramal por setor, ou ainda, otimizar o trabalho, realizando chamadas simultâneas.

PABX

VOIP

VoIP, ou Voz sobre Protocolo de Internet, é uma tecnologia que permite a transmissão de voz por IP (Protocolos de Internet), ou seja, transforma sinais de áudio analógicos, como em uma chamada, em dados digitais que podem ser transferidos através da Internet. O método está cada vez mais presente com softwares que possuem a tecnologia.